Vimos ao Senhor


“Vimos ao Senhor” (João 20:25)

Os dez falaram para Tomás exatamente o que Maria Magdalena tinha dito, “temos visto ao Senhor” (João 20:18). O autor do evangelho usa esta repetição para enfatizar um ponto essencial do discipulado: “ver.”

Se vemos ao Senhor na Sua plenitude e gloriosa ressurreição, poderemos ver Ele exatamente como Jesus é. Ele já não é mais um Mestre ou Curandeiro, mas “Meu Senhor e Meu Deus” (João 20:26-28).

Tomás precisou ver, talvez somos demasiados rápidos em julgar os outros sem perceber que atuamos do mesmo jeitos como aqueles que criticamos. Tomás precisava ver aquilo que outros já tinham visto. Ter o mesmo encontro com o Cristo ressurreto.

Oswald Chambers explica este evento, como a diferencia entre conhecer o que o Senhor tem feito por nós e conhecer o Senhor. E muito bom saber o que o Senhor tem feito por nos, mas é ainda muito melhor conhecer pessoal ao nosso, Jesus Cristo.

O Cristianismo não é simplesmente conhecimento da Palavra de Deus. A fé Cristã é uma jornada com Cristo e os seus companheiros, a Igreja. Jesus continua aparecendo de formas diferente na vida das pessoas; chamando pelo Espírito Santo a mudança de vida, como tive Tomás; e a formar parte desta comunidade de vida chamada Igreja.

As palavras de Jesus continuam sendo o maior dos ensinos que o homem pode encontrar, porque neles encontramos as palavras escritas de vida eterna, como Jesus é a Palavra de Deus encarnada.

Hoje, ora a Deus para que Ele te ajudei a “ver” aos Senhor e conhecer Ele ainda mais que você conheceu a Jesus ontem. E não se esqueça de abrir a Bíblia e ler um pouco dela.

0 comentários: