O DÍZIMO, o que realmente a Novo Testamento diz


Tenho observado como os jovens cristãos estão reagindo diante de prática terríveis na igreja evangélica nos dia de hoje, contudo a reação está levando a considerar outros erros como válidos. Muitos deles terminam saindo das chamas e caindo no fogo para não ter uma melhor expressão.

Leia, faz uns dias, um breve mensagem publicado em um mural do Facebook. No qual, em poucas palavras, tentava justificar que o dizimo não era mais relevante para os cristãos, devido a que estamos na Nova Aliança. Depois de orar e refletir, finalmente decidi escrever estas linhas:
Se é verdade que Jesus critica a atitude dos fariseus em Mateus 23:23, pela falta de justiça, contudo não se pode chegar a conclusão a partir deste texto que o dizimo não seja também uma pratica para a igreja. Pelo contrário, este texto mostra como era uma prática seguida nos dias de Jesus, e Jesus nunca diz uma só palavra em contra do dizimo. 
O maior problema que Jesus encontra nos seus dias, é que as pessoas pensavam que podiam ganhar o favor de Deus através do dizimo. Isto seria comparável a prática de muitos "cristãos" nos dias de hoje. Eles dão o dizimo, tentando ganhar o favor de Deus. Isto seria exatamente o que Jesus mostrou estar errado, uma vez e outra.

0 comentários:

Revelações Chocantes




Ser Anglicano nunca tem sido fácil, ainda menos no contexto brasileiro. Ainda que o Anglicanismo foi a primeira igreja evangélica estabelecida no Brasil depois da independência. O fato é que o Anglicanismo no Brasil é uma das tradições cristãs minoritárias no Brasil. Somos um grão de areia na praia da religião. Ninguém percebe que estampa aqui. Aqueles que percebem tem uma idéia distorcida do que ser anglicano realmente é.

Por este motivo, quando lemos a notícia de que um homem, como Billy Graham, confessa a um jornalista que se tivesse que recomeçar todo de novo, seria um anglicano evangélico, percebemos que, talvez, nem estamos tão errados. Leia a notícia toda sobre Billy Graham aqui.

Estas notícias realmente não mudam a nossa determinação, mas nos motivam a seguir adiante. Tendo em conta as muitas dificuldades que os anglicanos enfrentamos no dia a dia.

Terão aqueles que apontem a Billy Graham, e questionem alguns dos métodos, frases, ou ações de dele. Sempre terá pessoas que não estejam satisfeitos com outros irmãos. Sempre será mais fácil ver os defeitos dos outros que confrontar os próprios erros.

Pessoalmente, agradeço a Deus pelo ministério de Billy Graham que foi usado pelo Espírito Santo para levar milhares de vidas a Cristo, mas também pelo trabalho social e humano que tem feito ao largo da sua vida.

Por isso, fico contente que Billy Graham pudesse considerar por um momento ser anglicano evangélico, porque mostra que estamos mais perto na visão cristã do que nunca imaginei.

Ser anglicano, permanece para mim até o dia de hoje, a melhor forma que eu conheço de ser cristão. Ser anglicano, é minha maneira de ser um discípulo de Cristo.

A Deus seja toda a glória.



0 comentários: