Mensagem do Domingo de Páscoa


Caro irmãos, a graça e a paz do nosso Senhor, Jesus Cristo, esteja sempre contigo e esteja fortalecendo suas vidas neste dia. Oro para que estas palavras sejam de forças e animo em meio das lutas e os conflitos que enfrentamos cada dia.

Cristo Ressuscitou. Aleluia!!!


No coração dos homens há um desejo de felicidade. Essa afirmação evidente nem sempre se vê na prática. O que acontece é que nos contentamos, frequentemente, em ir levando a vida e não pensamos nos ensinos e as coisas de Deus, o que diz muito ao respeito às nossas ânsias mais humanas. Esse desejo de felicidade é também uma espécie de nostalgia, de saudades do paraíso perdido acompanhadas de certa melancolia. Desde que o ser humano foi expulso pelo seu pecado do jardim do Éden, dedicou-se a vagar pelo mundo sem encontrar a paz e a segurança que só pode encontrar perto de Deus, o Reino perdido segue sendo anelado pelos nossos corações em meio de tantas lutas.

1 comentários:

Dilma e o Papa, um encontro


A Presidente Dilma se encontra em Roma. Isto não deve ser uma surpresa, já que o Brasil segue sendo o maior país católico-romano do mundo. Ao mesmo tempo, o Vaticano segue sendo muito mais que uma igreja, ele também é um Estado soberano do qual o Papa é o chefe.

Uma coisa curiosa tem sido o que a Presidente Dilma tem pedido ao Bispo de Roma, Francisco I. Não tenho certeza das coisas que eu houvesse pedido ao bispo de Roma, se houvesse encontrado com ele. Com certeza, nunca houvesse sido o que a Presidente Dilma diz. Ela pediu "É claro que o mundo pede hoje além disso [em referência à pobreza] que as pessoas sejam compreendidas e que as opções diferenciadas das pessoas sejam compreendidas."

Eu acho que os cristãos compreendemos as opções diferencias das pessoas, contudo compreender não significa que aprovemos tais opções, nem que concordemos com tais decisões. De fato, sei que muitas destas opções são fruto da própria maldade e pecado que existe nas pessoas. Ou será que devo aprovar e aceitar como válida a opção diferenciada das pessoas que gostam maliciosamente de crianças, ou dos homens que espancam as mulheres, ou dos indígenas que enterram vivas as crianças?

0 comentários:

Sempre reformando

O primeiro lema que tinha a Igreja Anglicana Reformada do Brasil era “igreja reformada, sempre reformando.” Este lema não foi criado pela IARB, já que tal lema foi fruto da Reforma Protestante. Contudo, mostra um tema importante no qual todos precisamos refletir e pensar, como membros da Santa Igreja de Cristo.
Em Jeremias 6,16, lemos “Assim diz o SENHOR: Ide às ruas, olhai e perguntai pelos caminhos antigos, qual é o bom caminho, e andai por ele; e achareis descanso para vós. Mas eles disseram: Não andaremos nele.
Neste texto bíblico, Deus tem chamado o Seu povo de volta à obediência pela palavra de Deus da qual eles tinham abandonado. Tinham mudado, mas mudado no sentido errado. Tinham reformado suas crenças e atitudes, mas na direção errada.

0 comentários:

Obedecer é mais difícil que aprender a lição


Existe um claro ênfase evangelístico nas igrejas evangélicas. Tal ênfase não se encontra presente tão fortemente em outras tradições cristãs, como observamos entre os evangélicos. Evidentemente, as Escrituras são claras sobre a importância da pregação do evangelho de Jesus Cristo. Contudo, nem sempre a igreja tem lembrado da importância do discipulado. O problema é que sem ensino e instrução, a grande comissão realmente não é cumprida.

Esta questão tem sido uma questão presente nos últimos anos. Alguma coisa não termina de acontecer do modo que deveria, já que os cristãos não vivem conforme aquilo que se espera deles. Sou consciente que todos pecamos, e ninguém está livre de erro. Contudo, isto não pode ser uma justificativa pelos abusos e absurdos que encontramos hoje entre os cristãos. Ao meu ver, não existe uma mudança de vida, porque a mente ainda continua pensando da mesma forma que a velha criatura, quando somos novas criaturas. Existem certos ensinamentos que devem ser ensinados. Os novos crentes devem ser instruídos e ensinados nos caminhos do Senhor. Os discípulos de Cristo devem buscar crescer, desejar ser mais como Jesus, e amadurecer na sua vida cristã. Os ministros necessitam crescer tanto no seu conhecimento como no seu caráter, deste modo poderão estar prontos (1 Timóteo 3) para liderar o povo de Deus, seja como mestres na Escola Dominical, cuidando do templo, sendo líderes de grupos pequenos, entre outras tantas funções que existem para servir nas igrejas locais ou na Igreja de Cristo.

0 comentários:

Feitos a Imagem de Deus: ser mulher, ser cristã...


Hoje é o Dia Internacional da Mulher. Este dia se celebra em todo o mundo. Existem muitos motivos pelos quais podemos celebrar tal dia. Afirmo com total certeza de que o mundo é melhor, graças a todas as mulheres que trabalham, vivem, criam e riem cada dia. Também, é um dia que devemos lembrar a opressão que muitas mulheres sofrem sobre a tirania do Islam e violentas guerras sem sentido. Ainda tem lugares na África onde é possível comprar uma esposa. No Brasil e outros lugares do mundo, as mulheres sofrem a violência física e verbal dos maridos. Se casaram esperando encontrar o seu "príncipe," e acabaram encontrando um tirano. Este é um dia em que se pode refletir sobre alegrias e tristezas e, como qualquer dia, o fato de ter um dia para celebrar a MULHER, mostra que ainda precisamos considerar o papel da mulher no século 21.

Os cristãos também temos cometido nossos erros de interpretação, colocando a mulher em um lugar onde não corresponde as nossas esposas, irmãs, amigas e mães. E, contudo, Deus tem abençoado o mundo através de mulheres de fé e grande coragem. Muitos são os exemplos que encontramos de mulheres que venceram as maiores dificuldades com uma indiscutível fé para ajudar a fazer visível o Reino de Deus.

0 comentários:

A defesa da fé, sem perder os papéis

Os cristãos estamos chamados a defender a verdade, e ser capazes de ensinar aquilo que acreditamos com total convicção. A verdade é fundamental à fé cristã, porque ela é, na verdade, a pessoa de Jesus Cristo. O desafio é que nem sempre a Igreja de Cristo tem sido capaz de defender a fé de uma forma que mostre o caráter de Cristo ao mundo. Só precisamos lembrar da Inquisição Espanhola, das guerras de religião, ou das perseguições religiosas. Estes são episódios tristes na história da Igreja.

Nos últimos 200 anos, muitos destes conflitos tem tomado um caráter acadêmico e teológico, o que tem mudado algumas das características de tais confrontos. Estas tem causado divisões na Igreja de Cristo, acusações uns contra os outros e, inclusive, uma perda da capacidade missionária da Igreja.  
Jesus Cristo nos ensinou quais seriam as conseqüências de uma casa dividida, “conhecendo-lhes os pensamentos, disse-lhes: Todo reino dividido contra si mesmo será destruído; e toda cidade, ou casa, dividida contra si mesma não subsistirá” (Mateus 12:25).
Este texto bíblico nos lembra da simples verdade de que quando os membros do corpo visível de Cristo marcam uns aos outros, como oponentes na batalha espiritual, então estamos plantando sementes de discórdia que, com o tempo, produzirão divisões, controvérsias amargas e conflitos pessoais. A Bíblia nos ensina como devemos defender a fé de acordo com a vontade de Deus, e como não devemos fazer isso.

2 comentários:

O Papa, anticristo ou herói?


Hoje, será o primeiro domingo sem Bento XVI, como Papa. Muito tem sido escrito nas últimas semanas sobre o anúncio da renúncia de Bento XVI. Este anúncio causou comoção nos jornais e mídia social. Muitas opiniões foram expressadas sobre os motivos do Papa para apresentar tal renúncia. Muitos consideravam os escândalos recentes no Vaticano, e outros afirmavam outras questões. Seja como fosse, a verdade é que o papado de Bento XVI chegou ao seu fim, e sua renúncia marcará o seu papado na história. Em outras palavras, será lembrado pela sua renúncia, e as implicações que tal ato terá para a futuro da Igreja de Roma.

0 comentários:

A função da Lei de Deus nos dias de hoje


A questão da Lei de Deus tem ocupado muitos na Igreja de Cristo. Tem causado muitas falsas acusações uns contra os outros, e tem conseguido que diversos falsos ensinos (antinomianismo e legalismo) surjam a partir de um entendimento errado da mesma.

Um dos maiores conflitos que aparece, será aquele relacionado ao uso da Lei de Deus na nova aliança. Sem dúvida, todos os cristãos que tem tomado um tempo para estudar e entender esta questão, tem uma idéia comum sobre a importância da Lei no Antigo Testamento. As diferenças sobre o papel no Novo Testamento são muito maiores das que poderemos encontrar na sua leitura no Antigo Testamento.

O Apóstolo Paulo escreve ao bispo Timóteo as seguintes palavras, “permanece em Éfeso para advertires a certas pessoas que não mais ensinem doutrinas falsas” (1 Timóteo 1:3). A natureza de tais doutrinas falsas se encontra explicada quando Paulo diz, “intentando ser mestres da lei, quando não compreendem nem o que propalam nem os assuntos sobre os quais fazem afirmações com tanta convicção” (1 Timóteo 1:7). Tal afirmação surpreende por sua atualidade, já que encontramos muitos que desejam ser mestres da lei e terminam falando heresias sem conhecer o que estão falando. Possivelmente, se todos tomássemos um tempo para refletir, nem sempre deveríamos dar nossa opinião sobre questões que não conhecemos, nem sabemos.

Quando leio pessoas negando o papel da Lei de Deus nos dias de hoje, fico surpreso de que não tenham tomado o tempo para ler simplesmente a primeira carta de Paulo a Timóteo. Se desejamos ser mestres da lei, se faz urgente conhecer todo o conselho de Deus para a Igreja de Cristo. Assim, o apóstolo Paulo afirma “sabemos, todavia, que a Lei é boa, se alguém a usa de forma adequada” (1 Timóteo 1.8). A necessidade de usar a Lei de Deus de forma adequada é de tal importância nos dias de hoje, como foi nos dias em que Paulo escreveu sua epístola ou quando os Reformadores escreveram suas confissões de fé.  

2 comentários: