Surpreendido por Deus


Tive recentemente a oportunidade de pregar em uma das paróquias da "Free Church of England" (Igreja Livre de Inglaterra). Se nunca ouviu falar desta igreja antes, não se preocupe. Você não é o único. Esta igreja tem sido um testemunho de Cristo desde 1844. Realmente, se paramos a pensar, percebemos que muitas coisas tem acontecido desde aquele tempo.

De fato, ainda não tinha acontecido a chegada dos primeiros missionários de missão no Brasil. Isto aconteceria em abril de 1860, quando A. G. Simonton dirigiu o seu primeiro culto em português; em janeiro de 1862 foi fundada a Igreja Presbiteriana do Rio de Janeiro.

Bispo John Fenwick me apresentou o seu livro "The Free Church of England: The History and Promise of an Anglican Tradition."A leitura deste livro tem sido uma grande surpresa, devido aos eventos que levaram à fundação da FCE.

Uma das minhas surpresas foi que as raízes da "Free Church of England" está ligada ao avivamento de George Whitefield na Inglaterra no século 18. De fato, são poucas as igrejas que ainda existem na Inglaterra fruto daquele avivamento que mudou a história de Inglaterra. Se John Wesley teve um grande sucesso a organizar suas capelas, George Whitefield teve uma história menos afortunada quando tentou organizar suas capelas.

Possivelmente, Whitefield nunca pensou que uns anos depois alguns dos cristãos que foram salvos através da sua pregação, formariam a "Free Church of England" em resposta ao movimento de Oxford (anglo-católicos) e a rigidez da Igreja de Inglaterra daquele tempo.

A "Free Church of England" chegaria a ter 90 paróquias no Reino Unido. Hoje em dia, somente tem 18 paróquias na Inglaterra e uma na Russia.

Um fato interessante aconteceu em 1924 quando a "Free Church of England," a Igreja Episcopal Reformada da Inglaterra e a Igreja Reformada de Inglaterra se uniriam para formar a nova "Free Church of England," também conhecida como a Igreja Episcopal Reformada do Reino Unido de Grã Bretanha. Não em vão, a Igreja Episcopal Reformada dos USA e a "Free Church of England" formam um só jurisdição episcopal. A Igreja Episcopal Reformada é, hoje em dia, parte da ACNA (Igreja Anglicana na América do Norte).

Um dos pontos que, também, me surpreendeu foi que os Artigos da Religião da FCE tem um artigo que fala sobre a Sucessão Apostólica, mostrando com grande clareza e simplicidade a posição histórica dos  Reformadores Ingleses sobre esta questão:
"XXXV - Da Sucessão Apostólica: Que a doutrina da "Sucessão apostólica," pela qual se ensina que o Ministro na Igreja Cristã será procedida através de uma série de ordenações ininterruptas desde os Apóstolos mesmos, e que sem a mesma não pode existir a Igreja Cristã, não Ministério válido e não administração própria dos sacramentos, não tem fundamentos na Escritura, e é produto de grande dano."
Este texto mostra a posição bíblica do Anglicanismo até a influência dos anglo-católicos que tão fortemente se encontra arraigada na nossa nação brasileira.

Hoje em dia, a FCE não é o que foi, mas está recuperando a paixão para plantar novas igrejas na Inglaterra e fazer crescer suas paróquias nos próximos anos. Encontrei um grupo dedicado de pessoas que desejam servir a Deus e ser fiéis à pregação do evangelho.

Realmente, fui surpreendido por Deus e pelos amados irmãos da FCE.

A Igreja Anglicana Reformada está mantendo relações fraternais e de diálogo com os irmãos da "Free Church of England." Tem sido uma grande benção esta jornada até aqui.

Se deseja conhecer um pouco mais, aqui tem o site.

+

0 comentários: