Raízes da Perseverança


Sempre gostei muito de ler biografias e as histórias daqueles que seguiram os passos de Jesus. Nelas, encontrei muitas vezes a força para seguir adiante.

Recentemente, tive uma grande surpresa a encontrar o livro, 'Raízes da perseverança,' escrito por John Piper e publicado no brasil pela Editora Tempo de Colheita. Neste livro, lemos sobre a vida de John Newton, Charles Simeon, e William Wilberforce.

Se você ainda não tem lido este livro, então, realmente, recomendou você ler. Primeiro, porque encontrará vidas de verdadeiros homens de Deus que marcaram uma momento da história e mudaram a história. Segundo, porque enfrentaram sofrimento ao longo das suas vidas e se mantiveram firmes pela causa do Reino de Deus.

Cada um deles, lutou a boa batalha em uma área diferente:
John Newton pregou o evangelho de Cristo e a sã doutrina em um tempo de confusão. Ele se converteu, como adulto, depois de ter trabalhado em um barco que levava escravos da África a USA. Sua vida foi entregue a pregar e ensinar as Escrituras. As pessoas conhecem o seu hino, "Graça Maravilhosa."
Charles Simeon foi um pastor entregado ao seu povo e apaixonado pela causa de Cristo. Foi fiel enfrentado a oposição e, contra todo, se mantive firme no chamado que tive de Deus. Ele inspirou a Henry Martyn a ser um missionário na Índia. Henry tive um grande impacto na Índia, ainda que morreu aos 31 anos.
William Wilberforce, possivelmente, seja o mais conhecido dos três, hoje em dia. O filme, "Graça Maravilhosa," mostra a vida deste político britânico que lutou toda sua vida para melhorar a condição da Inglaterra e abolir a escravidão.
Os três enfrentaram dificuldades, perseguições e grandes lutas, e os três encontraram nas Escrituras e na oração, as forças para seguir adiante com humilde alegria e convicção de que Deus estava dos eu lado. Cada um deles nos lembra da graça transformadora de Cristo que está em nos em meio das maiores tormentas.

Por isto, recomendou que leiam este livro, assim poderão conhecer a vida de três grandes anglicanos que ajudaram a mudar a história, ainda que tiveram um preço alto a pagar.


0 comentários: