Corre, corre,... que vão te pegar


Um amigo meu fez esta foto. O engraçado é que conseguiu captar uma imagem realmente engraçada. Vemos a criança correndo, dando a impressão que está tentando escapar de alguma coisa. Enquanto lemos no mural da igreja, "Pensas que podes escapar de Deus?"

Vivemos um ressurgir do ateísmo na Europa e América do Norte. Isto não deveria surpreender. A Igreja não está vivendo os melhores momentos da sua história na Europa. Eu não sou alarmista, nem acredito que tudo esteja perdido, mas reconheço que as coisas estão difíceis para os cristãos nesta geração.

Na última década, eu conheço as dificuldades que existem na Espanha. Eu plantei 3 igrejas na Espanha onde não existia nenhuma igreja evangélica, e ajudei a plantar outras duas. Algumas delas já não existem, ainda que a presença evangélica continua presente nessas cidades. Graças sejam dadas a Deus.

Muitos podem pensar que isto não pode acontecer no Brasil. Tem pessoas que pensam que podem escapar do julgamento de Deus. Contudo, estão errados. Eu já vi as consequências do juízo e a justiça de Deus... e tenho temor, medo. Deus é um Deus de amor imenso, mas também é um Deus zeloso pela sua santidade e seu nome.

Na Europa, observamos agora os frutos do que foi plantado, ou melhor dito, do que não foi plantado. O liberalismo, líderes corruptos, divisões entre as igrejas, passividade e fariseísmo, entre outras coisas, tem causado o que observamos. Isto tem acontecido em uma geração. Conheci pessoas que, quando crianças, foram testemunhas vivas do avivamento de Gales no início do século 20. E, agora, podem observar as capelas vazias, ainda que lembram quando estavam cheias.

O interessante é que, ao mesmo tempo, uma nova geração está plantando novas igrejas a cada três semanas, enquanto templos estão fechando. São novas perspectivas de ser igreja, inovadoras, mas ser igreja e glorificar a Deus na nossa vida, segue sendo o mais importante.

Os homens temos um jeito engraçado de fazer as coisas. Pensamos que, se usarmos certas técnicas e mostrarmos certas faces e tivermos o papo correto, então vamos ver o Brasil entregar-se a Cristo. Com certeza, isso não é certo. Também, certamente, os programas, campanhas e metodologias podem ajudar a preencher os templos, mas isso não faz cristãos.

Se não desejamos cometer os erros da igreja européia, devemos começar a ser honestos conosco mesmos, arrepender-nos e deixar de correr para longe de Deus. A igreja precisa menos campanhas, menos números, e mais oração. 

O juízo já começou sobre a igreja brasileira. Não temos percebido, porque os templos estão cheios. Novas igrejas surgem a toda hora. Infelizmente, encontramos com mais facilidades "crentes" envolvidos em escândalos. Difícil é discernir o estilo de vida de um "crente" de alguém que não é. A principal diferença é que um vai a igreja evangélica e o outro não vai. MAS... o resto é cada dia mais do mesmo jeito.

Cansei de escutar as palavras vazias de ministros e cristãos que falam as coisas certas, mas mudam de idéia quando interessa a eles. Isso, sem falar, que uma coisa são suas palavras e outra bem diferente, como vivem suas vidas.

O juízo já começou na igreja brasileira, porque cada dia estão sendo julgados mais pastores, crentes e políticos cristãos por envolvimento em corrupção, tráfico de armas e tantas outras coisas. Contudo, podem estar agradecidos que as leis brasileiras não tem legislação contra as sinagogas de satanás e os picaretas de plantão. 

O juízo chegou, porque o povo brasileiro não consegue mais aceitar os escândalos e enganos que são usados em nome de Deus. Interessante, às vezes somos criticados pelos motivos justos e nos fazemos de coitadinhos. MAS será que não percebemos que Deus nos chama ao arrependimento?

Irmãos, recebamos com gratidão as palavras de Deus. Nos arrependamos diante de Deus antes de que chegue o juízo de Deus. Ordenemos nossas vidas e nossos lares. E oremos a Deus para que sua misericórdia seja grande sobre a igreja brasileira. 

Acho que se Martinho Lutero estivesse vivo, falaria para sair correndo longe desses líderes que falam uma coisa e vivem outra; dos templos majestosos que estão cheios de mentiras, e dos enganadores em busca de presa fácil.  

É tempo de tomar uma decisão, seguirão sendo parte das sinagogas de satanás e homens que buscam a honra para si mesmos? Ou buscarão a Deus, ainda que tenham que sair destas igrejas?

Israel foi um exemplo do que pode acontecer. A igreja européia não percebeu, será que o Brasil perceberá?

Somente a Deus seja dada toda a Glória, Honra e Louvor.



0 comentários: