A Igreja e os crentes de hoje...


"Não deixemos de congregar-nos, como é costume de alguns, antes admoestemo-nos uns aos outros; tanto mais, quanto vedes que se vai aproximando aquele dia" (Hebreus 10:25).

Costumamos encontrar bons motivos para justificar a nossa ausência nos cultos. Muitos sequer vão a um deles, pois a maioria das igrejas celebram dois cultos aos domingos. "Ir duas vezes cansa!" “Não pude ir porque estava cansado”, “meu filho estava com febre”, “estive trabalhando”, “recebi visitas”, “fui visitar um parente”, “tinha que terminar um trabalho escolar”, “estava indisposto”, “estava chateado com a igreja”, “não gosto do pregador que iria ocupar o púlpito”, “cultuei a Deus em casa”, “sou mais crente do que quem está lá a esquentar os bancos”, “ninguém repara que eu existo”, “não sou valorizado”, etc.

2 comentários:

Vida Abundante


O ladrão vem somente para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância” (Joçao 10.10).

Teria Deus prometido uma vida de abundância, de fartura perene, de bens materiais, de plenitude de saúde e absoluta paz na terra?

0 comentários:

Como viver na dimensão da eternidade


O apóstolo Paulo em sua Segunda Carta aos Coríntios, capítulo quatro, versículos dezesseis a dezoito nos ensina a viver na dimensão da eternidade. Nossos pés estão na terra, mas nosso coração está no céu. Vivemos neste mundo como peregrinos, mas estamos a caminho da nossa Pátria permanente. Três verdades saltam aos nossos olhos no texto em apreço. Essas verdades nos direcionam nessa caminhada rumo à glória.

0 comentários:

Todos os Santos, como que é?

espiritualidade anglicana

Ontem, celebramos o Dia da Reforma, hoje é Todos os Santos. Contudo existe uma rejeição entre os evangélicos de celebrar o dia de Todos os Santos, ainda que fui exatamente pela ocasião deste dia que Lutero colocou as 95 Tésis na porta da igreja.


Se o Dia da Reforma é pouco conhecido entre os evangélicos, ainda é menos entendido o dia de Todos os Santos. Muitos simplesmente falam, "isso é coisa de católico (romano)."

MAS, que é o dia de Todos os Santos?


Todos os Santos é o dia quando a Igreja visível lembra a Igreja invisível, como igreja triunfante. Deste modo, nos lembramos dos santos em Cristo e os heróis da fé que nos precederam (Hebreus 11) e comemoramos que fomos feitos santos através da morte e ressurreição de Cristo. Assim, celebramos que a Igreja não nasceu ontem, mas somos parte de uma família de 2000 anos.

Nesta oração, encontramos um claro significado do que representa para nós o Dia de Todos os Santos, sendo um belo momento para lembrar aqueles que caminharam e viveram antes de nós:
Deus Todo-poderoso, que uniste juntos teus eleitos em uma comunhão e fraternidade no corpo místico do teu Filho Jesus Cristo, nosso Senhor, dá-nos graça para seguir os teus benditos santos em todas as virtudes e vida santa e que assim possamos ver a aquelas alegrias inexpressíveis que tens preparado para aqueles que te amam sinceramente, por Jesus Cristo, nosso Senhor. Amém.



0 comentários: